fbpx
Franquia ou negócio próprio: qual investir?

Franquia ou negócio próprio: qual investir?

Em busca de realização pessoal, autonomia e liberdade, mais da metade dos brasileiros querem abrir um negócio. No entanto, é muito comum entre os futuros empreendedores surgir a dúvida se é melhor investir em uma franquia ou no negócio próprio. Realizar pesquisas e buscar o autoconhecimento é o primeiro passo para decidir em qual modelo de negócio investir.

Para saber qual é a opção mais indicada para você, primeiramente, é importante avaliar seu perfil empreendedor. Como forma de auxiliar a identificar o seu perfil de empreendedor, o Sebrae disponibiliza um teste simples e rápido. Baixe o quiz, faça o teste e descubra qual é o seu perfil.

Além de descobrir qual seu perfil empreendedor, para decidir se é mais viável investir em uma franquia ou negócio próprio, é importante levar em conta também alguns outros fatores, como por exemplo: capital disponível para investimento e em quanto tempo deseja obter retorno financeiro.

Para entender qual modelo de negócio é ideal para você, continue a leitura deste artigo em que elencamos as principais diferenças entre franquia e um negócio próprio.

Entenda as diferenças entre franquia e negócio próprio para decidir em qual modelo de negócio investir

Independentemente do modelo de negócio que pretende investir seja uma franquia ou negócio próprio tenha em mente que ambos exigem muito esforço e dedicação para obter sucesso. Confira a seguir as principais diferenças entre os dois tipos de modalidade.

Taxa de mortalidade dos negócios

De acordo com o IBGE, a maioria das empresas fecha as portas após cinco anos de atividades. A taxa de mortalidade tende a ser menor na modalidade de franquias, isso porque esse modelo de negócio oferece maior segurança e retorno garantido ao empreendedor de primeira viagem em comparação ao negócio próprio. Por esse motivo, franquia costuma ser a opção ideal para os empreendedores mais cautelosos e abrir um negócio próprio é a alternativa indicada aos mais audaciosos.

Investimento inicial e retorno financeiro

Abrir uma empresa do zero exige um investimento inicial maior em relação às franquias, principalmente comparado à modalidade de franquia home-based opção de negócio que o  empreendedor pode trabalhar por conta própria de casa, sem a necessidade de investir um ponto comercial para realizar a prestação dos serviços.

Além disso, quem deseja iniciar um negócio próprio precisa dedicar mais tempo e esforço na realização de pesquisas mercadológicas e no desenvolvimento do negócio como um todo. Diferentemente das franquias, que são modelos de negócios já testados e validados no mercado e, portanto, oferecem garantia de retorno rápido e baixo investimento inicial.

Suporte operacional e administrativo

Pelo fato das franquias serem negócios bem sucedidos no mercado, o franqueado pode usufruir do know-how da empresa franqueadora e contar com consultorias e treinamentos para gerenciar a empresa. Assim como, obter suporte operacional e administrativo para gestão eficiente e aperfeiçoamento do negócio.

Já o negócio próprio, demanda muito mais dedicação e planejamento do empreendedor para que seja viável promover a gestão operacional e administrativa eficiente da empresa. O que exige, muitas vezes, experiência prévia ou maior investimento em capacitação para gerenciar os negócios.

Reputação da marca

Por ser um modelo de negócio já consolidado, as franquias dispõe de uma reputação no mercado. Portanto, fica mais fácil para o franqueado conquistar seus primeiros clientes, pois os produtos ou serviços comercializados já são conhecidos.

Já o empreendedor que investir no negócio próprio precisa construir a reputação da marca, assim como fazer um investimento maior em branding e marketing para fortalecer a reputação da marca no mercado e conseguir conquistar e fidelizar os primeiros clientes.

Caso tenha se interessado em investir em uma franquia, conheça o passo a passo para abrir uma microfranquia Piscina Fácil.

Franquia vale a pena? Saiba mais sobre esse modelo de negócio

Franquia vale a pena? Saiba mais sobre esse modelo de negócio

Se você planeja abrir um negócio, deve estar avaliando se investir em uma franquia vale a pena. Essa modalidade de negócio é considerada uma ótima opção de investimento para empreendedores de primeira viagem por oferecer rápido retorno financeiro com baixo investimento inicial.

Outra vantagem de aderir a um sistema de franquias, em comparação ao negócio próprio, é a garantia de maior segurança ao investidor. Isso porque começar um negócio próprio do zero e alcançar o sucesso exige muito esforço, dedicação e investimento alto em marketing para se ter uma boa presença de mercado.

Portanto, investir em uma franquia é indicado para pessoas que sonham em ter seu próprio negócio, mas buscam a segurança e expertise que a marca franqueadora oferece para garantir a operação da empresa e lucratividade dos negócios.

Caso identifique que a franquia vale a pena por ser a opção mais adequada ao seu perfil empreendedor, aprofunde seus conhecimentos avaliando quais são os principais benefícios de investir nesse modelo de negócio.

Motivos pelos quais franquia vale a pena

Mercado aquecido

O mercado de franquias está em ampla expansão, no último ano o segmento faturou R$ 44,4 bilhões e a perspectiva de desempenho é ainda mais positiva para o futuro. Segundo a ABF, o setor de franquias deve crescer cerca de 10%. Fator que indica a viabilidade de efetuar bons negócios no franchising.

Com objetivo de aquecer ainda mais o mercado atraindo novos franqueados para expandir seus negócios, grandes redes de franquias estão ofertando novo formatos distintos de operação e facilitando ainda mais o investimento na abertura de franquias, a exemplo das franquias home based.

Entenda o que é e quais são as vantagens das franquias home based.

Segurança para administrar e operacionalizar o negócio

Dentre as principais vantagens da franquia está o suporte que o franqueado recebe da empresa franqueadora. O fato de investir em uma marca consolidada no mercado assegura aos franqueados todo a segurança e suporte necessários para administrar e operacionalizar o negócio.

Portanto, investir em uma franquia vale a pena porque o franqueado poderá usufruir do know-how da empresa por meio de consultorias e treinamentos oferecidos e, ainda, contar com o suporte gerencial. Assim, o empreendedor consegue ter mais chances de sucesso, a curto, médio e longo prazos.

Por esse motivo, os índices de falência das franquias são significativamente menores que os de negócios próprios 6% das franquias contra 23,4% das novas empresas em geral em um período de dois anos, apontam as pesquisas mais recentes.

Modelo de negócio testado e aprovado no mercado

Um dos principais benefícios de investir em franquia é a possibilidade de atuar com uma marca reconhecida e que possui um modelo de negócio já testado e aprovado no mercado. Isso garante ao empreendedor de primeira viagem uma segurança maior para investir.

Um exemplo de franquia para apostar é a microfranquia Piscina Fácil. Considerada um sistema de franquias que o empreendedor obtém retorno financeiro rápido, com baixo grau de investimento, esse modelo de negócio é indicado tanto para quem já atua com limpeza e manutenção de piscinas como para quem pretende empreender na área.

Conheça as vantagens de investir na microfranquia Piscina Fácil e torne-se um franqueado de uma empresa que é referenciada na prestação de serviços de manutenção de piscinas de todos os tipos e tamanhos.

franquia home based

O que é e quais as vantagens de uma franquia home based?

As franquias home based estão entre os modelos mais populares desse tipo de modalidade de negócio. Esse tipo de franquia oferece liberdade e autonomia ao empreendedor que pode trabalhar por conta própria de casa, sem a necessidade de investir um ponto comercial para realizar a prestação dos serviços.

Pelo fato de exigir baixo investimento inicial e garantir retorno financeiro rápido, o modelo de franquias home based é considerado a opção ideal para quem está pensando em abrir o próprio negócio, mas não possui capital suficiente para investir em uma franquia tradicional.

A modalidade de franquias home based tem crescido neste segmento de mercado no Brasil, atualmente existem 557 redes brasileiras operando no modelo de franquias home based. De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), esse modelo de negócio obteve um crescimento de 15% no último ano.

Para acompanhar essa tendência e atrair novos franqueados, grandes redes de franquia do país têm investido em formatos de franquias home based. A rede O Boticário empresa que está topo do ranking de maiores redes de franquias do país, com mais de com 3 mil unidades é um exemplo de franquia convencional que está adotando o modelo de franquias home based.

São inúmeras as vantagens de investir em uma franquia home based. Confira a seguir as principais delas.

Vantagens de investir em franquias home based

Baixo custo e operação simplificada

Uma das principais vantagens de investir em franquias home based é o baixo custo inicial de investimento. Como este modelo de negócio não demanda custos referente ao aluguel de um ponto comercial, o investimento inicial é considerado baixo, podendo variar entre R$ 10 mil a R$ 80 mil, valor semelhante ao de uma microfranquia.

Além disso, a modalidade de franquias home based exige baixo custo operacional e uma operação simplificada, sendo a opção mais acessível em comparação aos modelos tradicionais de franquia.

Autonomia e flexibilidade ao franqueado

Pelo fato de poder administrar o negócio trabalhando de casa, o franqueado passa a ter mais autonomia e flexibilidade para operacionalizar as atividades nos dias e horários que for mais conveniente. Ideal para investidores que buscam mudar sua rotina profissional ou complementar sua renda.

Apesar dessas facilidades, assim como qualquer modelo de negócio para obter sucesso é preciso dedicação e muito trabalho. Além disso, é preciso seguir as normas da franqueadora, por isso é importante avaliar com atenção a Circular de Oferta de Franquia (COF).

Rápido retorno de investimento

Como as franquias home based oferecem modelos de operação já testados e aprovados no mercado de franchising, além do baixo investimento inicial, as franquias home based promovem um rápido retorno financeiro ao empreendedor.

Em comparação com modelos de franquias tradicionais, o prazo para retorno do capital inicial para quem opta por investir em franquias home based é menor, já que o início de operação é mais rápido. Franquias home based costumam ter prazos entre 6 a 8 meses para que o investidor obtenha retorno do aporte inicial empregado no negócio.

Ficou interessado em abrir uma franquia home based? Confira o passo a passo para abrir franquia da Piscina Fácil e invista no seu negócio próprio.

Equipamentos para limpeza física de uma piscina

Equipamentos para limpeza física de uma piscina

Certos equipamentos são indispensáveis para a limpeza física de uma piscina. Além da aplicação adequada de produtos químicos, para manter a água sempre limpa e cristalina é preciso realizar a limpeza física da piscina — em especial, a peneiração, escovação, limpeza de bordas, limpeza de pré-filtros, limpeza de coadeiras, retrolavagem dos filtros, aspiração e limpeza de seu entorno.

A limpeza física de piscinas consiste na retirada de substâncias não dissolvidas da água que podem ser desde sujeiras acumuladas na superfície e fundo da piscina,como folhas, insetos, areia e cabelos, até mesmo, partículas invisíveis a olho nu. Há duas formas de executar a limpeza física de uma piscina: por meio de processos mecânicos ou por meio de processos manuais que podem ou não demandar a aplicação de produtos químicos auxiliares.

  • Tratamento Manual

O tratamento físico manual consiste na peneiração das impurezas depositadas, principalmente, na superfície e fundo da piscina, escovação de paredes e do fundo, bem como, na limpeza das bordas e entorno da piscina.

  • Tratamento Mecânico

Já o tratamento mecânico auxilia na remoção de substâncias que não podem ser captadas por meio do tratamento manual devido a sua pequena granulometria, ele consiste na filtração da água da piscina

Confira a seguir a lista de equipamentos indicados para realizar a limpeza física de piscinas de forma eficiente e prática.

Equipamentos indicados para limpeza de piscinas

Peneira

A peneira é o equipamento utilizado para remover folhas, galhos, insetos e detritos de sujeira presentes no fundo e na superfície da piscina. Há duas opções de modelos de redes de peneiras para efetuar a limpeza física da piscina: rasa e profunda.

Em piscinas muito sujas contendo uma grande quantidade de folhas e restos de vegetação é recomendado que a peneiração seja a primeira atividade de limpeza física realizada. No entanto, em piscinas que recebem manutenção frequente, é recomendado que a aspiração seja realizado primeiro para não correr o risco de revolver as sujidades decantadas do fundo da piscina, turvando a água.

Escova

A escova auxilia na remoção de algas e incrustações aderidas nas paredes, rejuntes e no fundo da piscina, promovendo a suspensão das impurezas. Esse tipo de equipamento é fabricado com PVC rígido e possuem cerdas de nylon — o que faz com que sejam leves, facilitando o processo de escovação.

Para aumentar a vida útil das escovas, o operador deve manter alguns cuidados básicos como, por exemplo, efetuar a limpeza de suas cerdas. Escovas guardadas sujas e com excesso de umidade, podem apresentar crescimento de algas, bactérias e fungos entre suas cerdas, portanto, é importante que o equipamento seja limpo adequadamente antes de guardado.

Aspirador

A função do aspirador é direcionar a sucção produzida pela bomba e transmitida pela mangueira de aspiração, aos pontos onde haja detritos acumulados no fundo da piscina, podendo ou não possuírem cerdas para soltar as sujidades aderidas às superfícies. Com o avanço da tecnologia, já é possível encontrar no mercado aspiradores modernos que podem ser manuseados eletronicamente, os chamados “robôs aspiradores”.

Haste metálica

A haste metálica é um utensílio utilizado para tornar variável o alcance de equipamentos como escova, peneira ou o aspirador. A haste, geralmente, é produzida em alumínio  e, quando constituídos de mais de uma barra, podem ter um maior alcance para limpeza de resíduos em piscinas com maiores dimensões.

Como esse tipo de equipamento é feito de alumínio, é preciso cuidado no seu manuseio. Se arrastados nas bordas de piscinas de fibra, deixam riscos escurecidos e se esbarradas com força em bordas de revestimento cerâmico, podem quebrá-los. Além disso, não é recomendado o manuseio de hastes muito longas próximas a redes de instalações elétricas e em dias de chuva com incidência de raios, assim como é indicado que o equipamento seja acomodado longe de áreas energizadas, evitando risco de choques elétricos e curto circuito.

Mangueira

A função da mangueira no processo de limpeza física das piscinas é direcionar o fluxo d’água criado pela motobomba até o local onde se encontra as sujidades acumuladas no fundo da piscina com a intenção de aspira-las. As mangueiras de aspiração precisam ser semitransparentes para a visualização da velocidade de sucção a fim de que o operador consiga identificar se a bomba está succionando bem os detritos ou se a sucção está fraca

A mangueira deve possuir um comprimento adequado ao tamanho da piscina para que seja possível aspirar toda a extensão do tanque. Como são vendidas por metro, é preciso medir a distância do bocal de aspiração até o ponto mais longe a ser aspirado, bem como a profundidade deste ponto e soma-los. Este será o tamanho necessário de mangueira a ser comprada com uma pequena sobra.

Esponja

A principal função do uso de esponjas na limpeza física de piscinas é a remoção de resíduos acumulados na borda, principalmente, na altura da superfície d’água. O cuidado no manuseio e higiene deste equipamento é essencial. Após seu uso, é fundamental que o operador guarde as esponjas limpas e secas para evitar o desenvolvimento e proliferação de bactérias que fazem mal a saúde dos banhistas e tratadores.

Kits de análise

O uso de kits de análise para piscinas é indispensável, pois fornece ao tratador informações sobre as condições da água, seu balanceamento químico e a necessidade de ajustes para a adequada sanitização e prevenção contra o desenvolvimento de algas e acúmulo de bactérias que provocam doenças.

Os kits de análise mais completos realizam testes dos principais parâmetros para avaliação da qualidade da água. Além dos parâmetros básicos, mostram dados importantes sobre a  qualidade de água relacionados a proteção dos equipamentos e do revestimento instalados na piscina. Os kits podem realizar testes por meio da titulação, colorimetria ou, ainda, com medidores digitais.

Se você atua como operador profissional de piscinas ou tem interesse em empreender no ramo, conheça os cursos da Piscina Fácil e aprofunde seus conhecimentos sobre manutenção e limpeza de piscinas.

produtos para limpeza de piscina

Quais são os principais produtos para limpeza de piscina?

São muitas as vantagens de se ter uma piscina em casa, entre elas podemos destacar: a valorização do imóvel, poder se refrescar em dias de calor em um ambiente ideal para reunir os amigos e familiares. No entanto, para manter seu tratamento em dia, é necessário criar uma rotina de cuidados que inclui a escolha de produtos químicos específicos à manutenção da água e de sua superfície interna. Somente assim, é possível deixar a água azul por mais tempo, evitando que fique turva, verde ou que acumule impurezas nas paredes e no fundo do tanque que, além do aspecto desagradável, podem favorecer a transmissão de doenças.

A execução adequada do  tratamento de piscinas exige investimento em produtos para limpeza química da piscina, como por exemplo: cloro (estabilizado ou não), algicida de manutenção e de choque e o clarificante líquido. Além da escolha e compra, é extremamente importante fazer o correto manuseio dos produtos químicos adquiridos em lojas especializadas na venda de produtos para piscinas ou pela internet.

É também indispensável o uso de kits de testes para fazer as medições dos parâmetros de pH, cloro,alcalinidade e dureza. O resultado dos testes realizados com esses kits vai determinar os produtos que serão necessários para o ajuste dos parâmetros químicos da piscina, tema que será abordado com detalhes em outro post, mas, que inclui produtos como o Elevador de Alcalinidade, Elevador de pH ou Barrilha, Redutor de pH e Alcalinidade e o Elevador de Dureza.

Como já foi dito, piscinas residenciais exigem diversos cuidados. Durante seu tratamento, o tratador, profissional ou não, deve ter especial atenção no monitoramento dos parâmetros de qualidade de água, em especial, quanto ao nível de cloro livre na água, para não permitir que baixe à zero. Uma vez que este parâmetro é rapidamente alterado em piscinas com pequeno volume, uma dica da Piscina Fácil, é sempre manter um dissolvedor de pastilhas de tricloro boiando já que, dificilmente, teremos como adicionar cloro todos os dias.

Para manter o tratamento em dia, conheça quais são os principais produtos para limpeza de piscinas que você não pode deixar de adquirir se quiser ter uma piscina sempre cristalina e saudável em casa

Lista dos principais  produtos para limpeza de piscina

Cloro

O cloro é um dos produtos essenciais para efetuar a limpeza de piscina, pois mantém a água  descontaminada e protegida de bactérias. Existem diferentes tipos de cloros, sendo eles divididos em duas classificações: Os Não-Estabilizados, também conhecidos como inorgânicos e os Estabilizados, também conhecidos como orgânicos.

Os cloros estabilizados possuem ácido cianúrico em sua formulação, o qual, possui como principal função agir como um “filtro solar” contra os raios ultravioleta, o que reduz a evaporação do cloro. Dessa forma, o ácido cianúrico é capaz de manter por muito mais tempo o cloro residual em uma piscina, permitindo um combate mais efetivo aos microorganismos prejudiciais à saúde dos banhistas.

O ácido cianúrico pode ser adicionado a piscinas de duas formas: em conjunto com os cloros orgânicos – sendo eles o dicloro e o tricloro – ou podem ser aplicados separadamente uma vez que este produto também é encontrado na versão pura. Porém, no Brasil, são poucos os tratadores que aplicam o ácido cianúrico puro, pois, além de ser um produto relativamente caro, é dificilmente encontrado em lojas de materiais para piscina.

A quantidade de cloro a ser utilizado no tratamento químico da piscina depende do seu porte, depósito de materiais orgânicos (como folhas e insetos), intensidade de uso, insolação e temperatura ambiente. Por esse motivo, é importante ter cuidado com o excesso de cloro na água afim de evitar  irritação nos olhos e na pele dos banhistas, mas, principalmente, para que a água jamais atinja a concentração de zero partes por milhão (PPM) de cloro livre, o que deixaria a água desprotegida contra os micróbios

Para conhecer os tipos de cloro indicados e saber qual é a melhor opção de cloro para limpeza da sua piscina baixe gratuitamente o material exclusivo da Piscina Fácil e receba o conteúdo completo sobre o tema.

Algicida

Quando uma piscina fica sem tratamento durante várias semanas ou mesmo exposta a uma chuva intensa, é muito comum que se acumule nas superfícies internas  uma película verde e escorregadia formada, principalmente, por algas e bactérias, o que torna a coloração da água esverdeada.

Para evitar a formação de algas que deixam a água verde, tornando-a imprópria para o banho, é recomendado a aplicação semanal do Algicida de Manutenção. Já para aquelas piscinas infestadas por algas, o mais indicado é a utilização de Algicida de Choque. Um cuidado muito importante na utilização do Algicida de Choque é que ele pode manchar piscinas de fibra, vinil ou com pintura, por isso, nesses tipos de piscinas, deve ser aplicado somente algicidas isentos de cobre.

Saiba como tratar uma piscina verde em apenas 8 passos no Guia Como Limpar uma Piscina Verde elaborado pela Piscina Fácil.

Clarificante

O clarificante líquido é o produto indicado para manter a água transparente e cristalina. Sua aplicação deve ser realizada semanalmente em uma dosagem preventiva, normalmente indicada no rótulo do produto, que funciona como um Auxiliar de Filtração. Nessa dosagem a sujeira dispersa na água é reunida em pequenos flocos, os quais não possuem peso suficiente para decantar, porém, possuem um tamanho suficiente para serem captados pelo filtro da piscina.

Como um medida corretiva, quando a água já se encontra totalmente turva ou verde,, recomenda-se aplicação de uma  dose maior de Clarificante Líquido para decantar toda a sujeira. Depois do produto aplicado, os resíduos indesejados se acumularão no fundo da piscina, podendo ser removidos pelo processo de aspiração. Após a aplicação do produto, recomenda-se que a piscina não seja utilizada para que a sujeira decantada não seja revolvida do fundo.

Aproveite para conferir os tipos de problemas mais comuns com águas de piscina e saiba como resolvê-los acessando o material gratuito Águas de piscinas: problemas e soluções.

abrir uma microfranquia piscina facil

Passo a passo para abrir uma Microfranquia Piscina Fácil

Empreender tem sido uma das principais alternativas para os brasileiros que buscam obter uma renda extra. Segundo dados da pesquisa realizada pela Serasa Experian, no último ano cresceu em mais de 20% o número de pessoas que estão procurando ampliar seus ganhos, seja abrindo um negócio ou fazendo bicos.

Porém, abrir o próprio negócio não é uma tarefa simples. É preciso criar um plano de negócios, investir tempo e dinheiro, além de efetuar muita pesquisa de mercado. Por esses motivos, para o empreendedor de primeira viagem, investir em uma franquia pode ser uma ótima opção. Afinal, esse modelo de negócio é rentável e oferece uma segurança maior com baixo custo.

Um exemplo de franquia para apostar é a microfranquia Piscina Fácil. Considerada um sistema de franquias que o empreendedor obtém retorno financeiro rápido com baixo grau de investimento, esse modelo de negócio é indicado tanto para quem deseja trabalhar como operador profissional de piscinas – como também para quem já atua no ramo e deseja expandir sua atuação.

Ao se tornar um franqueado Piscina Fácil, o empreendedor conta com o know-how e expertise de uma empresa reconhecida nacionalmente, podendo, assim, prestar serviços de tratamento de piscinas na sua região com toda orientação necessária para iniciar e administrar o negócio.

Se interessou? Então continue a leitura para conhecer o passo a passo para abrir uma microfranquia Piscina Fácil.

Saiba o que é necessário para investir na microfranquia Piscina Fácil

Avalie o mercado

Antes de investir em uma franquia, o futuro empreendedor deve avaliar o mercado que pretende atuar. Entender quais são as oportunidades e desafios que irá enfrentar. O mercado brasileiro de piscinas, por exemplo, está em plena expansão, e as perspectivas são ainda melhores para os próximos anos.

De acordo com a (Anapp), o Brasil tem o segundo melhor mercado para se investir em piscinas no mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. O que demonstra que a microfranquia Piscina Fácil pode ser uma ótima opção de investimento para quem deseja aproveitar as oportunidades do mercado de piscinas.

Procure uma franquia referenciada

Muitas são as opções de franquias disponíveis no mercado de piscinas, por isso é recomendado que se faça uma pesquisa aprofundada sobre cada empresa que fornece essa modalidade de negócio. Procure no mercado por uma opção de franquia que disponha de suporte aos franqueados e assessoria completa para auxiliar no dia a dia da operação. Ao investir na microfranquia Piscina Fácil, o empreendedor tem a segurança de fazer parte de uma das empresas que mais cresce no ramo de tratamento e manutenção de piscinas do Brasil.

Estude a Circular de oferta de Franquia

A Circular de oferta de Franquia (COF) é considerado um documento essencial para que o empreendedor interessado em se tornar um franqueado conheça detalhadamente seus direitos e deveres em relação à franquia. Assim, é possível avaliar se a oportunidade de investimento é adequada ao seu perfil  antes que o contrato com a franqueadora seja formalizado.

Interessados em empreender nesse ramo de atuação podem aprofundar seu conhecimento sobre o modelo de negócio através do curso de piscineiro. Um das vantagens é que ao realizar o curso, é possível receber desconto na aquisição da microfranquia piscina fácil.

Agora que você conhece o passo a passo para abrir uma microfranquia Piscina Fácil. Saiba quais são as vantagens de investir no negócio e torne-se um franqueado.

o que é a COF

O que é a COF: Circular de oferta de franquia?

A compra de uma franquia é um investimento muito importante e deve ser pensado e realizado com cautela, levando em conta tanto o perfil do franqueado, quanto da franqueadora. Para adquirir e operar uma franquia de forma eficiente, as empresas devem fornecer aos seus franqueados a COF — Circular de oferta de franquia. Documento obrigatório pela Lei de Franquias 8.955, que apresenta as condições gerais do negócio e contém todos os dados e informações comerciais, financeiras e jurídicas.

O documento reúne tudo que a franqueadora oferece aos seus franqueados, desde balanços financeiros, valores de investimentos e taxas, até como será o layout da loja ou como funcionará o suporte. O franqueador não deve omitir e nem falsificar dados ou ainda criar expectativas irreais aos empreendedores interessados na aquisição da franquia. Caso as informações constantes na Circular de Oferta de Franquia não forem verdadeiras, o franqueado estará assegurado por lei, tendo direito a uma indenização.

A COF é considerado um documento importante para que o candidato a franqueado conheça detalhadamente seus direitos e deveres em relação à franquia e possa avaliar se a oportunidade de investimento é adequada ao seu perfil. O franqueador também deverá analisar rigorosamente o perfil do candidato, sua capacidade financeira, assim como seu comprometimento com o negócio.

A COF é um dos instrumentos mais utilizados judicialmente em caso de litígio entre as partes, o que obriga o franqueador a ser cuidadoso na formulação e entrega do documento e o franqueado a buscar ajuda especializada para esclarecimento de dúvidas no intuito de realizar o melhor investimento.

A lei exige que a COF seja assinada após um prazo de 10 dias, para que o candidato tenha tempo de analisar as condições do negócio, suprir as dúvidas e decidir se realmente irá investir na franquia.  O descumprimento do prazo de entrega, que deve ocorrer até 10 dias antes da assinatura do pré-contrato, contrato ou pagamento de qualquer taxa, pode levar à anulabilidade do contrato de franquia.

Principais informações que devem constar na Circular de oferta de franquia

A COF é a documentação legal que assegura a relação entre franqueador e franqueado. Na Circular de Oferta de Franquia devem estar contidas as principais informações sobre a franquia e aquilo que se espera do franqueado, quais as responsabilidades e os direitos de cada uma das partes.

Abaixo listamos alguns dos principais dados que devem ser analisados na COF:

  • Apresentação, histórico da franquia e o registro da marca no INPI – Instituto Nacional de Propriedade Industrial;
  • Balanços e demonstrações Financeiras;
  • Pendências jurídicas;
  • Valor do investimento e taxas;
  • Serviços prestados (suporte e acompanhamento).

Neste sentido, a COF serve para esclarecer ao franqueado como funciona o modelo de franquia que ele pretende adquirir e tem como objetivo estabelecer parcerias e colocar em prática um plano de expansão que permita o crescimento de todos.

As informações contidas na COF são importantes e merecem ser tratadas com cuidado e confidencialidade. A COF deve ser uma etapa transparente no processo de aquisição de um novo franqueado. Se as informações não forem completas e adequadas pode ser questionada a validade do contrato de franquia.

Agora que você já sabe o que é a COF, acesse o conteúdo exclusivo do nosso blog para entender quais as vantagens de investir na Microfranquia Piscina Fácil e empreenda em um mercado promissor.

empresa de limpeza de piscina

Como escolher uma empresa de limpeza de piscina?

Quem possui uma piscina em casa ou no condomínio sabe que a manutenção deve ser periódica. Fator que requer planejamento, investimento e muitos outros cuidados. Caso contrário, devido à falta de tratamento adequado da água na piscina, as chances de acumular sujeira e bactérias que causam doenças como micoses, conjuntivite e hepatite aumentam significativamente.  

A prestação de serviços de manutenção e limpeza de piscinas requer cuidados específicos, além de capacitação profissional para sua devida execução. Por isso, o cuidado na escolha da empresa de limpeza de piscina contratada é essencial para manter a piscina saudável e com água cristalina, contribuindo para a valorização do imóvel e bem-estar de quem usufrui.

Algumas tarefas simples para limpeza da piscina podem ser realizadas por conta própria. No entanto, para executar de maneira eficiente a limpeza e manutenção da piscina, a contratação dos serviços de uma empresa referenciada é fundamental. Afinal, esse é um trabalho que exige conhecimento técnico e profissionais capacitados.

Por esse motivo, antes de escolher por uma empresa de limpeza de piscina é importante estar atento a alguns requisitos para avaliar a confiabilidade do futuro parceiro e, assim, decidir pela contratação da empresa que irá prestar os serviços de limpeza e manutenção de piscinas.

Requisitos para escolher uma empresa de limpeza de piscina

Conhecimento técnico para prestação de serviços de limpeza e manutenção de piscinas

Cuidados de higiene e no manuseio de produtos químicos são necessários na prestação dos serviços de limpeza de piscinas. Isso porque, muitas vezes as substâncias acumuladas podem ser partículas invisíveis a olho nu, exigindo que seja utilizado produtos químicos auxiliares para devida limpeza e manutenção da água da piscina. Por isso, é de fundamental importância avaliar se a empresa de limpeza de piscina contratada conta com a expertise necessária para prestação desse tipo de serviço.

Dessa forma, é possível assegurar a qualidade do serviço e obter a garantia de que serão aplicadas as melhores e mais eficientes técnicas em tratamento de piscinas.

Profissionais capacitados para realização dos serviços contratados

Para cada modelo e design de piscina existem métodos específicos para realização dos serviços de limpeza e manutenção. Ao contratar uma empresa de limpeza de piscina com know how e experiência no mercado, maiores são as chances de contar com profissionais que tenham a qualificação necessária para utilizar os equipamentos e manusear os produtos para limpeza e manutenção de piscinas.

Certificação garantida para prestação dos serviços ofertados

Antes de contratar a empresa de limpeza de piscina, avalie se o futuro parceiro possui certificação para prestação desse tipo de serviço. A empresa de limpeza de piscina deve estar  regulamentada e possuir alvará sanitário, assim como seguir as normativas exigidas legalmente.

Satisfação dos clientes

Para se certificar sobre a qualidade na prestação dos serviços prestados pela empresa de limpeza de piscina que pretende contratar, faça uma avaliação com relação a satisfação dos clientes atuais. Buscar depoimentos de clientes no site da empresa ou mesmo um histórico dos serviços já prestados, pode atestar a qualidade da prestação dos serviços.

Acesse aqui e confira onde você encontra um profissional especializado na limpeza e manutenção de piscina mais próximo de você.

Como ganhar dinheiro extra como Piscineiro

Empreender no mercado de piscinas pode ser um ótimo negócio tanto para quem já atua como operador profissional autônomo como também para quem deseja obter uma renda extra como piscineiro. O Brasil é o segundo colocado no ranking dos países com o maior número de piscinas no mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos, conforme aponta a Associação Nacional dos Fabricantes e Construção de Piscinas e Produtos Afins (ANAPP).

O país conta com mais de dois milhões de unidades instaladas e a perspectiva é ainda mais positiva para os próximos anos. Fator que amplia as oportunidades para aqueles que pensam em empreender nesse ramo de negócio ou mesmo garantir um ganho extra como piscineiro.

Para iniciar a prestação de serviço como piscineiro é preciso seguir algumas orientações fundamentais. Confira a seguir o passo a passo de como ganhar dinheiro extra como piscineiro e mergulhe de cabeça nesse negócio.

 

Passo a passo de como ganhar dinheiro extra como Piscineiro

Formalize-se

Para realizar qualquer tipo de prestação de serviço antes é necessário se cadastrar como Microempreendedor Individual (MEI) no Portal do Empreendedor. Assim, você garante a formalização da sua empresa e passa a obter CNPJ para emissão de nota fiscal de prestação de serviço e assegura direitos e benefícios previdenciários, como por exemplo: Aposentadoria por idade ou invalidez, Auxílio-doença, Salário-maternidade, Pensão por morte (para a família).

Mesmo para quem pretende atuar como profissional autônomo precisa se formalizar. Após essa etapa inicial, é necessário ainda providenciar o registro da empresa na Prefeitura Municipal para requerer o Alvará Municipal de Funcionamento. Especificamente para prestação de serviços de manutenção e limpeza de piscinas, o empreendedor deverá obter também o alvará de licença sanitária.

 

Estude o mercado e a concorrência

O mercado de piscina está em plena expansão, para conseguir aproveitar as oportunidades que se apresentam é essencial se diferenciar da concorrência. Para isso, o empreendedor deve conhecer seus concorrentes diretos e identificar seus pontos fortes e fracos. Assim, é possível aplicar estratégias para diferenciar o seu negócio, oferecendo serviços personalizados para fidelização dos clientes.

Ao começar trabalhar como piscineiro, você poderá prestar serviços de limpeza e manutenção de piscinas tanto em residências quanto em empresas, clubes, parques aquáticos e hotéis. Há uma variedade de nichos de mercado para atuar nesse segmento. Por isso, estudar o mercado e a concorrência é fundamental para que você defina a melhor estratégia de negócio para lucrar mais.

  

Invista em uma microfranquia de piscinas

Para quem deseja empreender no mercado de piscinas, é recomendado buscar por uma empresa referenciada no segmento. A concorrência é alta nesse ramo de atuação e o empresário ou profissional autônomo que deseja de diferenciar deve possuir uma boa capacitação. A partir da parceria com uma empresa que tenha know how e expertise nesse mercado, o profissional consegue obter a qualificação necessária para utilizar os equipamentos e manusear os produtos para limpeza e manutenção de piscinas, assim como gerenciar o negócio como um todo.

A microfranquia Piscina Fácil é um exemplo de modelo de negócio rentável, ideal para quem deseja empreender na área, pois assegura aos franqueados toda a estrutura necessária para viabilizar a prestação deste tipo de serviço. Ao investir na microfranquia Piscina Fácil, o empreendedor tem a garantia de fazer parte de uma das empresas que mais cresce no ramo de tratamento e manutenção de piscinas do Brasil.

Ficou interessado em investir no mercado de piscinas? Consulte com nosso time de especialistas mais dicas de como ganhar dinheiro extra como piscineiro.

O que devo considerar ao procurar uma franquia de piscina

O que devo considerar ao procurar uma franquia de piscina

O mercado de franquias de piscinas está em pleno desenvolvimento e crescimento. Para quem pensa em abrir o próprio negócio neste segmento de atuação, as franquias são opções muito procuradas por oferecerem ótimos benefícios e vantagens para o desenvolvimento e lucratividade do negócio a curto, médio e longo prazos.

Em alguns casos, abrir uma franquia pode exigir um investimento maior do que começar um empreendimento do zero. Apesar disso, o empreendedor poderá ter mais chances de sucesso, e a curto prazo, uma vez que as franquias já possuem uma marca consolidada no mercado, além de oferecerem o suporte necessário ao franqueado.

No entanto, é importante analisar e escolher a franquia ideal, afinal cada empreendedor busca algo diferente, de acordo com seu perfil pessoal. O segmento de franquias de piscinas oferece diversas opções de negócios, tanto para quem prefere atuar com prestação de serviços, quanto com a venda de produtos especializados.

As franquias são negócios já testados e aprimorados, o franqueado poderá usufruir do know-how da empresa, através de consultorias e treinamentos oferecidos pela franqueadora e ainda contar com o suporte de gestão, para o melhor gestão e aperfeiçoamento do negócio.

Definir a rede ideal para abrir sua franquia de piscinas não é tarefa fácil, mas destacamos abaixo algumas dicas principais para fazer a escolha certa.

Como escolher a franquia de piscina ideal

Alguns passos são essenciais para quem quer escolher uma boa franquia de piscinas para investir. É muito importante o franqueado aprofundar o conhecimento na marca de interesse, conversar com outros franqueados da rede e avaliar o capital necessário para investimento.

Faça uma pesquisa para saber quais tipos de franquia a empresa em questão disponibiliza. Atualmente, algumas empresas oferecem franquias de piscinas para quem quer começar com um investimento menor, sem a necessidade de contar com um ponto comercial. Assim, o franqueado pode iniciar e administrar o negócio em sua própria casa.

Outro fator importante que deve ser considerado ao optar por uma franquia de piscina é a disponibilidade de suporte que a franqueadora oferece para garantir a consolidação e expansão do negócio, como por exemplo: orientação jurídica, administrativa e operacional, atendimento de excelência ao franqueado, entre outras.

A manutenção de piscinas, utilização de produtos químicos e equipamentos especializados são atividades complexas, que exigem muito conhecimento e treinamento. Neste sentido, escolher uma franquia de piscinas que esteja preocupada em desenvolver soluções tecnológicas eficientes, com o intuito de tornar a operação mais moderna e competitiva é fundamental para o sucesso do franqueado.

Mais importante ainda é consultar as práticas e políticas da empresa em relação ao conhecimento necessário para obter sucesso no segmento de franquias de piscinas. Assim, deve-se optar por uma franquia que transmita sua expertise ao franqueado por meio de cursos, treinamentos, manuais e consultorias, para otimizar a operação e contribuir para o desenvolvimento da franquia.

A escolha do negócio é crucial para o sucesso dos empreendedores. É preciso saber se a franquia é confiável. Busque conhecer o histórico da empresa, sua missão e seus valores. É muito importante que o franqueado e a franquia estejam alinhados para um relacionamento duradouro, e que a franquia forneça todas as ferramentas para que o empreendedor tenha sucesso. Vale a pena investir o seu tempo para conhecer a empresa e obter o melhor resultado possível do novo empreendimento.

Conheça as vantagens de investir na microfranquia Piscina Fácil